Se tivessem acreditado na minha brincadeira de dizer verdades teriam ouvido as verdades que teimo em dizer a brincar, falei muitas vezes como um palhaço mas jamais duvidei da sinceridade da plateia que sorria. Charles Chaplin

Tornámo-nos eternamente responsáveis por aquilo que cativamos. Antoine de Saint-Exupéry

A cabeça que se não volta para os horizontes sumidos não contém nem pensamento nem amor. Victor Hugo

Não importa o que fizeram connosco, importa o que fazemos com aquilo que nos fizeram. JP Sartre

sexta-feira, 1 de novembro de 2013

entre nós # 20 - telepatia

Telepatia - Lara Li


porque a telepatia me encanta

14 comentários:

  1. Uma palavrinha: Intemporal...vá 'tá bem duas...Imortal!

    Jinhoooossssss

    ResponderEliminar
  2. Mas que bela recordação, Canca!
    Obrigado!
    Bjs

    ResponderEliminar
  3. :D Ah, tantas recordações agora me vieram à mente. Momentos passados nas lides domésticas e a cantar isto em altos berros nos meus tempos de estudante. Ahahahahah :) Obrigada Canca. :)
    beijinho

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. :) Espero que ninguém tenha más recordações dos teus altos berros. :P

      Beijos

      Eliminar
    2. Pelo menos nunca ninguém se queixou. :) :)

      Eliminar

Partilhem, que partilhar tem graça! Façam o favor de me roubar sorrisos...